Como melhorar a gestão da cadeia de suprimentos?

Cadeia de Suprimentos e Gestão Logística

Como melhorar a gestão da cadeia de suprimentos?

Com a rápida modernização e digitalização em todos os setores comerciais, a logística não ficou de fora. Um gerenciamento da sua cadeia de suprimentos sempre otimizado vai obter um fluxo de operação harmônico e contribuir diretamente para o sucesso da empresa.

Ainda que isso envolva o processo de compra nos fornecedores e a entrega, para ter eficiência em sua operação logística e garantir uma cadeia de suprimentos funcional e dinâmica, é preciso sempre melhorar a gestão da cadeia de suprimentos de forma total.

Confira esse artigo onde explicamos como melhorar sua gestão para alcançar o sucesso garantindo eficiência nos processos e em várias áreas que merecem atenção.

A importância em melhorar a gestão da cadeia de suprimentos

Hoje em dia, ainda existem empresas que encaram o gerenciamento da cadeia de suprimentos de forma muito rasa, considerando somente os cuidados logísticos internos, a escolha de fornecedores e seus custos, estratégias de recebimento e estocagem, dentre outros.

Entretanto, com a modernização e centenas de estratégias para otimizar a operação, gerando mais lucros e diminuindo perdas, é preciso sempre buscar melhorar a gestão de supply chain, garantindo um ecossistema integrado que possa identificar rapidamente os pontos de atenção.

Abaixo explicaremos algumas das principais formas de melhorar essa gestão. Ainda assim, independente de quaisquer estratégias que você adotar, é importante sempre manter um canal de comunicação aberto com os outros departamentos da empresa, estar disponível para compartilhar dados e informações estratégicas, desenvolvendo políticas colaborativas para uma integração de processos mais ágil e certeira.

Confira abaixo 6 pontos importantes que vão melhorar sua gestão da cadeia de suprimentos:

1. Controle a performance dos fornecedores

Como comentamos brevemente, uma parte relevante da logística é o processo de compra de produtos ou insumos para seu negócio. Escolher bons fornecedores é o primeiro passo básico para garantir sucesso nesse processo.

Ainda assim, considere vários pontos de forma combinada para além da qualidade do produto e os prazos de entrega. Considere pontos como a reputação da empresa perante o mercado, compare custo-benefício considerando produtos e transporte, tempo de entrega previsto e suas garantias de prazo, assim como as condições de pagamento oferecidas.

Como uma forma ainda mais apurada na gestão de fornecedores, é importante observar de perto a performance deles depois da parceria estabelecida. Sempre analise dados estatísticos reais para observar se as demandas estão sendo cumpridas, ou se seu negócio está tendo perdas devido a atrasos, baixa qualidade ou outros problemas.

Além de analisar de forma interna, considere compartilhar os dados colhidos sobre a baixa performance para garantir melhorias na operação. Esse pode ser o ponto chave para decidir continuar ou não com um fornecedor.

2. Acompanhe os custos de perto

Dentro de uma cadeia de suprimentos, os custos podem ter várias origens e serem distribuídos de forma ampla dentro da operação de seu departamento. Além disso, existem muitos fatores que causam variáveis de gastos que podem resultar em um montante significativo.

Assim, é importante centralizar o controle de todos os custos e acompanhá-los de perto. Sem essa centralização, é impossível obter uma performance focada na redução de custos desnecessários. Isso também contribui para uma melhor comunicação entre as diversas áreas do setor e da empresa como um todo.

3. Desenvolva uma gestão de inventário em tempo real

O modo mais comum usado na gestão de inventários acaba sendo com o uso de muitas planilhas e listas de checagem. Um sistema moderno para gerir inventários que garante baixas automáticas, vai permitir um controle muito mais assertivo, possibilitando ver em tempo real os níveis de estoque para realizar um inventário muito mais ágil.

Ainda, é possível adotar estratégias contabilizando lotes e outras formas de contagem. Usar essa solução tecnológica evita um grande número de erros humanos que podem acontecer no processo de inventário, seja na parte física, quanto no gerenciamento das planilhas e listas de verificação.

4. Tenha processos sempre padronizados

Garantir que as etapas e procedimentos de sua operação aconteçam sempre da mesma maneira também é uma forma de evitar erros e garantir mais agilidade na execução de diversas funções.

Ainda permite uma melhor coleta de dados sobre a operação como um todo, sendo mais fácil identificar gargalos ou problemas que ocorrem nos processos.

Como esse processo de padronização de toda uma cadeia pode ser difícil à primeira vista, elenque os mais importantes que podem seguir certos padrões, para depois expandir a padronização para áreas secundárias, e assim por diante.

5. Tenha um controle de estoque apurado

Controlar todo o estoque, a forma de armazenamento e sua movimentação tem um papel importante na cadeia logística. Além de garantir que produtos não cheguem a um nível crítico ou outros fiquem encalhados gerando gastos, garante um melhor fluxo de produção e de vendas, resultando sempre no acesso às melhores oportunidades de negócio.

Um controle assertivo e automatizado, com o auxílio de um sistema, vai possibilitar também um acompanhamento mais apurado quanto a produtos com validade ou que devem ser liberados do estoque dentro de um prazo determinado.

As perdas ou desvios que podem ser evitados com um controle de estoque correto podem fazer a diferença no final do período quando seus balanços logísticos forem realizados.

6. Preveja as possíveis demandas

Realizar uma previsão de demandas sempre otimizada também é outra maneira de melhorar a gestão de sua cadeia de suprimentos. Além de evitar desperdícios e perdas, reduz as chances de faltar matéria-prima ou produtos em momentos de maior fluxo de saída.

Como não é uma tarefa fácil de ser feita somente com planilhas e análises humanas, a tecnologia também pode te ajudar nessa área. Softwares conseguem prever de forma muito mais assertiva, com base em todos os dados de venda armazenados da empresa, emitindo relatórios que vão facilitar a gestão de demandas futuras.

Ainda, com essas análises você ainda pode analisar resultados anteriores para rastrear possíveis riscos e imprevistos, erros e variações que ocorrem devido a fatores externos à empresa.

Por isso, caro leitor, conte com a Aware como seu parceiro logístico tecnológico eficiente e leve os melhores serviços de gestão logística moderna e automatizada para sua empresa com quem é referência de solução logística descomplicada clicando aqui.

Veja também outros conteúdos interessantes e instrutivos em nossa página de notícias para se manter atualizado sobre a área logística e um melhor desempenho para sua empresa!

marca-aware

“O verdadeiro heroísmo consiste em persistir por mais um momento, quando tudo parece perdido.”
– W. F. Grenfel

Oi, caro leitor! ((: Este post foi interessante para você? Então, siga nossas redes sociais e acompanhe mais conteúdos! Estamos no Facebook, Instagram e LinkedIn.

Share on facebook
Facebook
Share on xing
Instagram
Share on linkedin
LinkedIn